Olá visitante! Efetue o login para acessar sua conta.
Bulário Eletrônico
Aqui você pode consultar a bula de seus medicamentos e obter todas as informações organizadas em tópicos, tais como composição, metabolismo do remédio no organismo, indicações e contra indicações, precauções, gravidez, reações adversas, posologia, etc.
Para pesquisar, digite o nome do medicamento e clique em "Pesquisar":
Lista de bula de remédios em ordem alfabética:
Para consultar o preço do medicamento Ciclo 21 antes de comprar na farmácia, escolha uma das opções abaixo:

Ciclo 21

Bula do remédio Ciclo 21. Classe terapêutica dos Anovulatorios. Princípios ativos Etinilestradiol e Norgestrel.

Indicações de Ciclo 21

Na prevenção de gravidez e no controle de irregularidades menstruais (nas insuficiências ovarianas, hemorragia uterina disfuncional, amenorréias de causa funcional, esterilidade por anovulação, distúrbio do ciclo menstrual e dismenorréia)

Efeitos Colaterais de Ciclo 21

Náuseas e(ou) vômitos, que são usualmente as reações adversas mais comuns. Distúrbios gastrintestinais, como empachamento e cólicas abdominais; alterações no fluxo menstrual; dismenorréia; cloasma ou melasma, que podem ser persistentes; alterações mamárias, incluindo sensibilidade, aumento ou secreção; alteração de peso; erupção cutânea (alérgica); candidíase vaginal; alterações de curvatura de córnea; intolerância a lentes de contato.

Apresentação

Comprimidos: Cartucho com 3 blisters de 21 comprimidos.

Composição

Cada comprimido de CICLO 21 contém: Levonorgestrel 0,15 mg; Etinilestradiol 0,03 mg.

Contraindicações

Não deve ser utilizado em mulheres que apresentam: tromboflebite ou distúrbios tromboembólicos, ou antecedentes de tromboflebite; doença vascular cerebral ou coronariana; carcinoma mamário ou dos genitais confirmado ou suspeito; neoplasia estrogênio-dependente; sangramento genital anormal de causa indeterminada; gravidez confirmada ou suspeita; antecedente de tumor hepático benigno ou maligno; distúrbios da função hepática intensos; distúrbio do metabolismo lipídico; antecedente; da herpes gestacional; diabetes com alterações vasculares; otosclerose agravada durante a gravidez; e anemia falsiforme. O uso do CICLO 21 deve ser interrompido imediatamente quando ocorrerem: Instalação de enxaqueca ou agravamento das cefaléias já preexistentes; distúrbios agudos da visão, audição ou outras disfunções perceptivas; primeiros sintomas de tromboflebite ou tromboembolismo; desenvolvimento de icterícia (colestase), hepatite ou prurido generalizado; aumento de freqüência da ataques epiléticos; elevação significativa da pressão arterial; gravidez.

Modo de Uso

Para obter-se o máximo de eficácia contraceptiva, CICLO 21 deve ser administrado conforme as instruções, a intervalos diários que não excedam 24 horas. As pacientes devem ser instruídas a tomar os comprimidos sempre à mesma hora do dia, preferencialmente após o jantar ou ao deitar. Primeiro ciclo: Durante o primeiro ciclo de tratamento, a paciente deve ser instruída para tomar um comprimido de CICLO 21 diariamente, durante 21 dias consecutivos, iniciando no 5º dia do ciclo menstrual (o primeiro dia do sangramento é considerado o 1º dia da menstruação). Passado este período, a administração deve ser suspensa durante 7 dias. A hemorragia por supressão deve ocorrer dentro de 3 dias após a ingestão do último comprimido. Ciclos seguintes: A paciente deve reiniciar a medicação no oitavo dia após ter tomado o último comprimido, procedimento este que deverá ser repetido em todos os ciclos subseqüentes, mesmo que a hemorragia por supressão esteja em curso. Desta maneira, cada ciclo de 21 dias de tratamento com CICLO 21 inicia-se sempre no mesmo dia da semana. CICLO 21 é eficaz somente se administrado conforme as instruções. Quando se inicia tratamento após o dia recomendado ou no período pós-parto, deve-se adicionalmente recorrer a um método mecânico (de barreira) de contracepção até que se tenha tomado CICLO 21 durante 14 dias consecutivos. Nestas situações deve ser considerada a possibilidade de ovulação e concepção antes do início da tomada dos comprimidos. A paciente que está mudando de outro contraceptivo para CICLO 21 deve iniciar o tratamento no mesmo dia em que iniciaria a próxima cartela do outro contraceptivo oral. No primeiro ciclo de tratamento, deve-se utilizar adicionalmente um método mecânico (de barreira) de contracepção até que se tenha administrado CICLO 21 durante 14 dias. Caso ocorra sangramento inter-menstrual transitório, a paciente deve ser instruída para continuar a medicação, uma vez que tal sangramento geralmente carece de importância clínica. Se a hemorragia for recorrente, persistente ou prolongada, o médico deve ser informado. Quando a paciente esquecer de tomar um ou dois comprimidos consecutivos, deve tomá-lo (s) tão logo se lembre, tomando o seguinte no horário habitual. Nestes casos deve a paciente utilizar adicionalmente um método mecânico de contracepção até que tenha tomado CICLO 21 por 14 dias consecutivos, ou até concluir o tratamento daquele más, caso existam menos de 14 comprimidos a serem tomados. Caso a paciente esqueça de tomar três comprimidos consecutivos, deve-se interromper o tratamento com CICLO 21 e descartar os comprimidos restantes. Novo tratamento deve ser iniciado no 8º dia após ter sido administrado o último comprimido. Deve-se usar método mecânico de contracepção até que se tenham tomado 14 comprimidos consecutivos. No caso de não ocorrer hemorragia por supressão e os comprimidos terem sido administrados corretamente, é pouco provável que tenha havido concepção, mesmo assim CICLO 21 não deverá ser reiniciado até que procedimentos diagnósticos excluam a possibilidade de gravidez. Caso a paciente não tenha utilizado CICLO 21 corretamente (esquecimento, inicio do tratamento após o dia recomendado), a possibilidade de gravidez deve ser considerada antes de reiniciar o tratamento.

Laboratório

União Quím. Farm. Nacional S.A.

Remédios que contém o mesmo Princípio Ativo

Adoless, Allestra, Anacyclin, Anfertil, Belara

Remédios da mesma Classe Terapêutica

Biofim, Ciclon, Ciclovular

Atenção: as informações sobre os remédios que estão contidas no bulário eletrônico devem ser utilizadas apenas como referência. Sempre dê preferência à bula que acompanha o remédio e somente utilize medicamentos após consultar um profissional de saúde!